Recentemente, a cantora Melissa Schuman – que fez parte do grupo Dream, declarou que foi estuprada por Nick Carter, do Backstreet Boys, em 2002 quando tinha 18 anos. Na época, ela e o cantor viviam um affair quando um dia ele a chamou para um encontro na casa dele em Santa Monica, na Califórnia. Após as declarações da moça, Nick afirmou que a relação foi consensual e disse estar chocado com a denúncia.

Set_Nick_Carter_GettyImages_630756726

Nesta sexta-feira, 01, Melissa foi entrevistada no programa The Dr. Oz e revelou o que gostaria de dizer ao cantor após o posicionamento dele sobre o caso: “Eu te perdoo. Eu não quero nada de você. Desejo-lhe apenas o melhor. Eu não quero seu dinheiro, não fiz isso para machucar você ou sua família. Eu fiz isso por mim, porque eu precisava dessa cura “, desabafou.

Melissa também apontou o que a fez não falar publicamente sobre o assédio na época. Ela conta que confidenciou ao empresário o que havia acontecido na casa de Nick e ele a aconselhou a ficar calada. “Eu realmente confiei no meu empresário naquela época e me disseram que Nick tinha a defesa mais poderosa do país e que eu não tinha o dinheiro para pagar um advogado para me defender”, explicou.

46D9170900000578-5134311-image-m-25_1512079077743

Questionada pelo apresentador, Dr. Oz, Schuman contou o motivo de ter decidido revelar o estupro anos depois. “Desde que as denúncias sobre Harvey Weinstein saíram, eu decidi, foi um grande gatilho para mim. Comecei a notar que, enquanto eu havia suprimido muitas lembranças há anos, todas essas outras mulheres corajosas estavam falando. Isso realmente me impactou mental e emocionalmente e espiritualmente”, declarou Melissa.

(Vimos em hugogloss.com)