Marina Piro é uma jovem italiana que sonhava em conhecer lugares diferentes com seu cachorro, Odie. Como o intuito era tê-lo com ela independente do lugar aonde fosse, começou a pensar em qual seria a melhor forma de viajar sem gastar muito levando junto seu pet.

Viagem de carro com bicho de estimação

A photo posted by Marina (@pamthevan91) on

“Eu queria fazer isso de carro porque esta seria o jeito mais fácil de levar Odie comigo, junto com todas as coisas de que precisaríamos. Trens, ônibus e aviões nem sempre aceitam cachorros e, quando aceitam, costumam cobrar caro”, comenta Marina.

Por isso, o primeiro passo foi comprar uma pequena van para transformá-la em um lar aconchegante para ela e o seu fiel escudeiro dormirem durante a viagem.

Como fez absolutamente tudo sozinha, ela precisou de cerca de 3 meses para deixar o carro do jeito que desejava. “Eu queria aprender tudo [sobre mecânica] porque, caso o veículo quebrasse, eu saberia consertar sem precisar da ajuda de ninguém”, comenta.

Finalizada a conversão de van para “casa móvel”, Marina e Odie começaram a viajar em maio de 2016. Ao contrário de muitos mochileiros que viajam o mundo sozinhos para conhecer os principais pontos turísticos da cidade, a italiana prefere visitar áreas rurais e pequenos lugares que estão “fora do mapa”.

Mochilão com cachorro: como está sendo?

“Eu não estou preocupada em viajar para o maior número possível de lugares ou para o mais distante possível. Geralmente os lugares mais legais são os que estão bem ao seu lado. Eu quero sentir a energia dos lugares que visito, não apenas chegar e sair”, afirma sobre seu projeto.

Marina atualmente está na Itália guardando dinheiro para consertar o carro que está com problema no carburador e para as despesas da sua próxima viagem, que será para a Eslovênia. Enquanto isso, ela explora locais próximos, sempre com Odie.

“O Odie parece estar curtindo a viagem. Fareja e sente novos cheiros todos os dias e recebe atenção em todos os lugares para onde vai. Ele não se importa em ficar andando de carro e dorme a maior parte do tempo”, fala sobre com tem sido levar seu cachorro para conhecer tantos lugares diferentes.

Blog de viagem

Como teve dificuldades para encontrar conteúdos de fácil compreensão que a permitissem entender sobre o funcionamento de um carro e o que era necessário para transformá-lo em um lar, Marina aprendeu muita coisa se arriscando e observando se dava certo ou não.

Para ajudar e encorajar outras mulheres que assim como ela têm o sonho de viajar de carro e fazer tudo sem precisar da ajuda de ninguém, Marina criou o blog Pam the van, em que explica detalhadamente tudo o que fez no carro e como.

Apelidada de Pam, a van ganhou tapetes novos, cama, instalação de gás, minicozinha com fogão, luzes de led, piso de vinil, instalação elétrica, entre vários outros detalhes.

Em seu blog, Marina também escreve sobre manutenção de carro e sobre os prós e contras de viajar com um cachorro.

Animais viajantes

(Vimos em vix.com)