A gata Hidey viveu por anos com uma idosa que, acometida pelo mal de Alzheimer, já não tinha mais condições de cuidar dela. Quando finalmente foi conhecida sua situação de relativo abandono, seus pelos estavam tão compridos e embaraçados que já haviam formado dreadlocks repletos de sujeira.

Gatinha com dreadlocks se recupera

O estado da gatinha Hidey só foi conhecido quando sua dona foi levado para um asilo. A felina foi, então, levada para o Animal Rescue League Shelter & Wildlife Center, uma clínica de animais que fica em Pittsburgh, nos EUA.

Havia um acúmulo de pelos e sujeira tão grande em seu corpo que acredita-se que ela passou anos sem os cuidados necessários. Segundo a equipe da clínica, foram retirados quilos de pelagem de seu corpo que estavam tão emaranhados que pareciam muito com dreadlocks.

Em sua página do Facebook, a equipe que cuidou da gatinha contou que ela passou a se sentir muito melhor depois de receber seus cuidados. Eles fizeram ainda um importante alerta: “Por favor, lembrem-se de ficar atentos não apenas aos idosos de sua vizinhança, mas também a seus animais para evitar que coisas assim aconteçam”.

Como está Hidey agora

Hidey foi adotada por um parente distante da dona anterior e, segundo seu novo humano, está pouco a pouco interagindo mais com as pessoas. Inicialmente ela costumava ficar escondida embaixo da cama, mas agora já prefere se aconchegar em uma caminha especial, só dela, e começou a ronronar quando abraçada.

Mais histórias emocionantes com bichinhos

(Vimos em vix.com)